Usuários ConstruaNegócios
Usuário  
Senha
Quero me cadastrar  |  Esqueci minha senha
Busca
RSS Adicionar aos favoritos Siga-nos no Twitter Confira a edição

 
 
 
 
     
       
 
   
 
 


Como receber blocos de concreto na obra?
Seguir alguns procedimentos garante a qualidade dos blocos adquiridos.
Como receber blocos de concreto na obra?
Foto: Divulgação
Receber blocos de concreto no canteiro de obra – sejam eles estruturais ou de vedação – requer logística e alguns cuidados especiais. O primeiro deles é organizar o local para receber as peças paletizadas. Ele deve ficar perto das gruas que levarão os paletes até o andar em que serão instalados, no caso de edifícios. O mesmo é indicado se for usado um guincho cremalheira.

“Se houver uma distância a ser percorrida do local onde o caminhão de entrega estacionou até o guincho, o transporte dos blocos deve ser feito por um carrinho próprio para essa atividade. Nos andares, também deve haver esses carrinhos”, indica o arquiteto Carlos Alberto Tauil, consultor técnico da Bloco Brasil (Associação Brasileira da Indústria de Blocos de Concreto).

Responsabilidades do almoxarife

É o almoxarife o responsável por receber os blocos de concreto na obra. De acordo com Tauil, esse profissional deverá seguir um roteiro a fim de garantir que os blocos entregues pelo fabricante sejam os mesmos que foram especificados e comprados (as informações da especificação devem estar em uma planilha feita pelo engenheiro da obra). Veja, a seguir, o passo a passo para o recebimento:

1. Verificar se a quantidade e o tipo de bloco solicitados são os que constam da nota fiscal.
2. Checar se a quantidade de paletes e de blocos entregue é a mesma que foi pedida.
3. Medir os blocos (uma amostragem) com uma trena para ver se o comprimento, a altura e a largura estão de acordo com as medidas especificadas.
4. Observar se na nota fiscal está anotado o lote de produção dos blocos.
5. Conferir se o tipo de bloco (inteiro, meio, canaleta etc.) está em conformidade com a NBR 6.136/2007 – Blocos Vazados de Concreto Simples para Alvenaria: Requisitos.
6. Conferir se todos os dados do fornecedor e da construtora estão corretos na nota fiscal.
7. Indicar o local de descarga aprovado pelo engenheiro da obra e acompanhar a descarga.
8. Os blocos precisam ser compactos, homogêneos, com cantos vivos e sem trincas e imperfeições que dificultem o assentamento e prejudiquem a resistência e a durabilidade da edificação. Se houver blocos danificados, o almoxarife tem de anotar no canhoto da nota fiscal a quantidade e os tipos de bloco para que sejam repostos pelo fornecedor.

Controle de qualidade

Se os blocos forem fornecidos por uma empresa que tenha o Selo ABCP, concedido pela Associação Brasileira de Cimento Portland, e fizer parte do PSQ (Programa Setorial de Qualidade do PBQPH – Programa Brasileiro da Qualidade e Produtividade do Habitat,), eles deverão atender integralmente aos requisitos da NBR n°6.136, de acordo com o tipo de bloco (classe), família e dimensões. “Se o fornecedor atender à qualificação do Selo ABCP e a empresa participar do PSQ, a qualidade é praticamente garantida”, afirma o arquiteto Tauil.

Se o fornecedor não for qualificado em laboratório credenciado pelo Inmetro e, portanto, não participar do PSQ, cada lote de blocos entregue na obra precisará passar por ensaios em laboratório credenciado, de acordo com a NBR 6.136/2007 e a NBR 15.961-2/2011 (controle tecnológico), ambas da ABNT.

A resistência dos blocos deve ser comprovada, antes de sua aplicação na parede, por meio de envio de amostragem a um laboratório terceirizado.

FONTE: Mapa da Obra


« voltar | versão para impressão | enviar notícia por email | topo